INSTITUCIONAL

+ Origem

O Instituto Superior de Educação, mantenedor da Faculdade e da Escola e ISE, é um projeto criado com base na experiência de seu fundador e do grupo de professores que compõem o seu corpo docente. Teve inicio em 2012, com as primeiras discussões para a elaboração do seu Plano de Desenvolvimento Institucional PDI, com a intenção de fundar uma instituição de ensino superior voltada inicialmente para as áreas de educação, saúde e engenharia. As primeiras Iniciativas formam concretizadas nos cursos da Escola Técnica mantida pelo ISE que ha mais de 10 anos vem formando profissionais nas áreas de Mecânica Industrial, Estética e Saúde. Foi planejada para trabalhar com cursos presenciais e a distancia, ofertando ao público em geral curso de graduação (bacharelados, licenciaturas e tecnológicos), pós-graduação lato sensu; aperfeiçoamento e qualificação profissional.
O Plano de Desenvolvimento Institucional consolida a sua estratégia de desenvolvimento e indica os elementos que a diferenciam e contribuem para a formação de um perfil fundamentado no compromisso com a inovação tecnológica, pedagógica, com a educação continuada e com qualidade acadêmica de seus cursos. Fomento às atividades de pesquisa e extensão e inserção no na realidade local e regional são características marcantes que colocam a instituição na vanguarda das mais modernas políticas que definem o papel das organizações educacionais.

Missão

Visão

Valores

Contribuir com a Educação no Brasil atuando de modo inovador na formação de profissionais empreendedores, com autonomia intelectual e conhecimento técnico de suas profissões, preparados para atender as demandas do mercado de trabalho com ética e responsabilidade.
Consolidar-se como uma referência nacional buscando continuamente a melhoria da qualidade dos cursos, a autonomia financeira e o reconhecimento social.
Os princípios a seguir expressam, de maneira inequívoca, a direção a ser seguida por todos os segmentos do ISE:

Responsabilidade social: o compromisso com a formação das pessoas obriga as instituições de ensino a se sensibilizarem com questões que fundamentam a construção de uma sociedade justa e democrática.

Otimismo: acreditar na vida e nas pessoas é sempre o lema da equipe do ISE. É essa crença que nos fortalece e sustenta nossos ideais educativos.

Ousadia: A capacidade de ver mais além do que as imagens apresentam, arriscar na defesa daquilo que acreditamos e de confiar na criatividade coloca o ISE numa perspectiva de ousadia e inovação em tudo aquilo que produz.

Compromisso: A equipe do ISE tem plena certeza que não há como trabalhar com educação sem comprometimento em tudo aquilo que faz. Significa cumprir o que é prometido, ser fiel ao sua missão, respeitar o diferente, dar atenção às pessoas e valorizar as suas capacidades.

Parceria: A interação entre a equipe do ISE, instituições, empresas e pessoas é a força que garante a capacidade de atuação nacional de eficiente e colaborativa.

+ Objetivos

• Estimular, promover e divulgar a cultura e o conhecimento científico nos vários campos de saber, por meio de ensino básico e superior e de atividades de extensão;
• Promover e incentivar as inovações tecnológicas, pedagógicas, metodológicas e científicas que garantam a excelência da educação ofertada;
• Formar diplomados nas diferentes áreas de conhecimento, aptos para a inserção profissional e para a participação no desenvolvimento da sociedade brasileira;
• Promover a divulgação de conhecimentos culturais, científicos e técnicos que constituem patrimônio da humanidade e comunicar o saber através do ensino, de publicações ou de outras formas de comunicação;

+ Perfil do Egresso

O egresso representa o resultado final de um criterioso processo de formação educacional, refletindo por meio de sua atuação a qualidade e a identidade da instituição no cumprimento de sua missão.
Por isso o todo o trabalho formativo é feito para que o egresso seja um profissional com sólida formação técnica e humanística, portador de um conjunto de competências e habilidades que permitam inúmeras possibilidades de atuação no mercado de trabalho.
Os programas curriculares são voltados para o desenvolvimento do raciocínio lógico e analítico, conjugado com uma postura crítica no exercício da profissão.
Dessa forma, o egresso sairá da instituição com:

• Conhecimentos gerais e específicos da sua área de atuação;
• Conhecimento geral das áreas de atuação correlatas e/ou paralelas, dentro de uma perspectiva multidisciplinar;
• Capacidade para desenvolver projetos;
• Capacidade para desenvolver trabalho em equipe;
• Interesse pela educação continuada;
• Preocupação com a cidadania, a ética, a responsabilidade social e preservação do meio ambiente;
• Fazer planejamento estratégico na sua área de atuação;
• Desenvolver novos produtos e serviços;

+ Comissão Permanente de Avaliação

A Instituição manterá a sua Comissão Permanente de Avaliação que desenvolverá a cada semestre letivo, um procedimento de avaliação institucional baseada nas 10 dimensões da Lei nº10.861/04.Com isso, buscará levantar informações relevantes sobre seu desempenho, proporcionando aos dirigentes a oportunidade de analisar com base em dados reais ocumprimento da Missão e da Visão Institucional. Ao final da cada semestre letivo a comissão disponibilizará no sistema de gestão, no módulo de avaliação institucional, os formulários para serem respondidos online pelos estudantes. A Comissão, durante o semestre letivo, elabora e inclui no sistema de avaliação online os formulários referentes à avaliação dos professores, da estrutura física e tecnológica, da biblioteca e do corpo técnico administrativo, entre ouros. Próximo do término de cada semestre, os formulários ficarão disponíveis para serem preenchidos pelos alunos por um período de 15 dias, conforme previsto no calendário acadêmico. Durante esse período os alunos os alunos preencherão os formulários e o sistema fará a tabulação dos dados e os transformará em gráficos que serão revisados pela comissão e depois entregues à direção para que sirvam de subsídios no processo de gestão.

A comissão desenvolverá junto à comunidade acadêmica um processo de sensibilização sobre a importânciada avaliação institucional, para motivar os alunos a responderem aos questionários, uma vez que não há obrigatoriedade.

A implementação de um processo avaliativo rotineiro, sistêmico e participativo é um grande desafio, principalmente quando se tem como principal objetivo o compartilhamento do conhecimento acerca da realidade, buscando transformá-la para benefício da comunidade acadêmica, conhecendo seus pontos fracos e fortes de forma a subsidiar a elaboração do planejamento institucional. Esse processo permitirá o desenvolvimento de uma cultura avaliativa e garantirá aos gestores a efetiva implementação de mudanças que contribuam para a melhoria contínua da qualidade do ensino e da gestão da instituição.

A necessidade de assegurar padrões de qualidade é um imperativo para todas as instituições e a gestão acadêmica e administrativa deve estar apoiada num planejamento acadêmico e numa avaliação global, que apresente ao final de todo o processo, subsídios para atingir as metas estabelecidas.

O ISE entende que um programa de avaliação deve ser um processo contínuo de aperfeiçoamento do desempenho acadêmico, assim como uma ferramenta para o planejamento e gestão. A avaliação, desse modo, se coloca como um processo permanente do conhecimento da realidade interna e externa que abrange as atividades da IES, em comparação com suas finalidades e objetivos a serem atingidos, assim como a missão e visão. Desta forma, é necessário que se sistematize um processo avaliativo que observa, acompanha e interpreta o desenvolvimento institucional.

+ Núcleo de Apoio Psicopedagógico

A instituição oferecerá ao longo de todo ano letivo atendimento psicopedagógico, como forma de dar o suporte adequado a possíveis dificuldades que alunos, professores e funcionários possam ter em relação a si próprios, em relação aos outros e ao aprendizado de um modo geral. Orientados por profissionais das áreas da psicologia e da pedagogia, busca-se identificar e sanar esses problemas, visando uma melhoria na qualidade dos relacionamentos interpessoais, assim como a harmonização do ambiente de trabalho e das relações de ensino-aprendizagem.
Existem duas modalidades de atendimento, descritas abaixo:
Centro de atendimento psicopedagógico
Aqui, busca-se identificar as causas das dificuldades de alunos no processo ensino-aprendizagem e auxiliá-los no encontro equilíbrio psicopedagógico com vista ao bom aproveitamento do ensino.
Centro de atendimento pedagógico
Objetiva apoiar os professores na melhoria do seu desempenho pedagógico a fim de proporcionar aos alunos o máximo aproveitamento no processo ensino-aprendizagem.